sábado, 16 de fevereiro de 2013

A Importância Da Cobertura Espiritual. Eu Quero Aprender Mais, Você Me Ajuda?




Pois estou com algumas dúvidas... por exemplo:


1) Por definição:  Ter cobertura é ter Proteção Espiritual. É ser pastoreado, é estar perto daquele que lhe cobre, é tomar a iniciativa de comunicar tudo: tudo sobre você e sua família, tudo sobre o seu ministério, tudo sobre as suas relações de trabalho, tudo sobre situações íntimas ou pecados ocultos. Andar sob cobertura é fazer confissão e andar em transparência; aquele que cobre não deve ter a atitude de domínio, contudo, quem é coberto, deve aceitar ser corrigido.

1.1) Na Igreja Perseguida, Ásia e África predominantemente, muitos cristãos não tem pastor porque simplesmente não há igreja (templo) e porque não há seminário ou qualquer tipo de discipulado para a preparação dos mesmos. Sendo assim, eles estão sem proteção espiritual? É por causa disso que muitos estão presos e tantos morrem?

1.2) Fazer confissão é um ato praticado pela Igreja Católica Romana e Igreja Ortodoxa. É parte do sacramento para remissão dos pecados. Não seria, então, algo contrário à igreja protestante a obrigatoriedade da confissão ao cobertor espiritual? Tiago 5.16 registra "Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros", logo, não há uma hierarquização na confidência. Pela definição do conceito inicial tem-se que o liderado confessa ao líder que confessa ao pastor que confessa ao bispo que confessa ao apóstolo que confessa a quem? E a cobertura do apóstolo confessa a quem? Quem é a cobertura da cobertura?



2) Cobertura é paternidade, todos nós precisamos ter pais espirituais. Buscar cobertura significa decidir estar debaixo de pastoreamento, vale dizer, debaixo de autoridade. Isso não é fácil, estar debaixo de cobertura é uma decisão difícil de tomar e mais difícil ainda de praticar.

2.1) Como explicar isso comparando a "E a ninguém na terra chameis vosso pai, porque um só é o vosso Pai, o qual está nos céus" Mateus 23:9?



3) Todos nós temos alguém debaixo da nossa autoridade, somos discipuladores. Se alguém não está sob autoridade não tem as condições necessárias para exercer essa mesma autoridade.

3.1) Como explicar isso comparando com "E, respondendo João, disse: Mestre, vimos um que em teu nome expulsava os demônios, e lho proibimos, porque não te segue conoscoE Jesus lhes disse: Não o proibais, porque quem não é contra nós é por nós". Lucas 9:49-50 ? Quem era a cobertura espiritual daquele que não seguia Jesus? Por que Jesus não o proibiu de continuar fazendo aquela obra?


Aos pouquinhos vou colocando outras dúvidas. Quem puder ajudar elucidando esses pontos...


Permaneçamos firmes!


Observação: as definições foram retiradas do Manual de Cobertura Espiritual do Ministério Atos 2.





Um comentário:

  1. Ótima visão encima dos textos bíblicos e das colocações humanas.

    ResponderExcluir

Receba Nossas Atualizações Por Email!

Link Within

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...