quinta-feira, 31 de maio de 2012

A Arte De Viver Na Lama Sem Sujar As Vestes - A Graça Da Garça




(a paz do senhor, agradeço pela rica oportunidade
Pois o momento é oportuno pra que alguém fale a verdade.
O espírito santo toma o meu ser e guia a ponta da pena,
Eu já começo a receber a luz do grande estratagema.
Entrego todo o meu ser e toda minha premissa,
Então começa a nascer fome e sede de justiça.)
Crescemos acreditando em alguns personagens dos púlpitos,
Mas descobrimos que alguns da liga da justiça eram corruptos,
Mas ai de nós que temos espírito de ousadia,
No mínimo dirão que é espírito de rebeldia.
Deus tem o espírito santo, o diabo espírito imundo,
Os homens criaram espírito de rebeldia pra manter nosso espírito mudo.
Shhhii, calado! nem pense em fazer cara feia.
É melhor não discordar se quiser participar da ceia.
Eu vim pra fazer graça, mas não sorria porque é sério,
Foi fazendo essa mesma graça que morreu martin lutero.
Nossos teólogos respondem perguntas que ninguém fez,
Nossos representantes são servos submissos da altivez,
Eu prefiro seguir ao mestre que nos ensinou a lição:
"aprendei de mim que sou manso e humilde de coração".
E os programas de tv que eram pra pregar salvação,
Estão fazendo propaganda de igreja e divulgação de livros e revistas,
Cds e dvds e transformando o servo humilde em um fantoche em seus porquês.
Cadê a pregação da cruz?
Pegaram emprestado como emblema o nome do nosso senhor jesus,
Mas quando forem aplaudidos pensando que se deram bem...
Não se esqueça que deus não divide sua glória com ninguém.
A graça da garça.
A arte de viver em meio a lama sem sujar as vestes.
Num país onde nosso futuro dorme em baixo de viadutos com
Frio, febre e fome, infelizes mentes de adultos,
Os nossos profetas diriam: "eis que também não vivem na luz"
E eu te pergunto no evangelho o que diria jesus?
O filho do homem não tem lugar pra reclinar a cabeça,
Alguém me explique este evangelho antes que eu enlouqueça!
Qual evangelho está certo? o de jesus ou o da igreja?
Me explique irmão! porque esta expressão de surpresa?
Vejo que não é o mesmo evangelho, conquanto,
Nos ensinam a chamar nossas culpas de espírito santo.
Porque as mulheres que por jesus foram perdoadas
Hoje por nós são vitimadas, julgadas e apedrejadas?
Por que o confesso é excluído? por que o possesso é incluído?
Por que os que foram injustiçados sempre fecham comigo?
Por que os que cobrem seus pecados são chamados de amigo,
Enquanto o confesso que pede perdão é humilhado e banido?
Eles bradam: arrependei-vos. sem arrependimento,
Depois que conheceram as riquezas já não pregam o arrebatamento.
Não acho ruim ter mansão, nem carro nem condição,
Nem lancha, nem ter dinheiro, nem jato nem avião.
Só digo uma coisa meu irmão, melhor prestar atenção:
"onde estiver seu tesouro estará também o coração."
Os nossos levitas fazem show, sua fama é um mundo ilusório,
Já não existe adorador, só animador de auditório.
Viram? eles já não levam mais a arca da aliança
Porque são carregados por um bando de seguranças.
Deus vê todas as coisas, nada lhe é oculto nas cidades,
Mas ainda procura quem o adore em espírito e em verdade.
E a nossa fé a cada dia vai descendo ao declive,
Deus destruiu sodoma e gomorra mas o seu espírito ainda vive:
Quem não tem carro e dinheiro tem encosto,
Quem tem bens, ações e milhões paga o imposto,
Me diga, esse é o evangelho por jesus cristo proposto?
Porque o antigo brilho no olhar já não está no seu rosto?
Eles bradam como joão batista e são mestres,
Mas ninguém fica no deserto comendo gafanhoto e mel silvestre.
Terno de microfibra, sapato italiano modelo,
Mas ninguém quer ficar no sol vestindo pele se camelo.
Numa coisa eles imitam a joão batista, reconheça,
Receberam a missão de acabar perdendo a cabeça.
Loucos! e se hoje te pedirem a tua alma?
Louco! pra que te servirá todas as palmas?
Louco! se a selva de concreto se tornou tua mansão
Não se esqueça que nela deus soltou seu filho o leão.
A graça da garça.
A arte de viver em meio á lama sem sujar as vestes.
Mas quem tem fome e sede de justiça farto será!
Eles falam em línguas estranhas o que eu faço é interpretar.
Ela desce a minha face, as vezes mais quente que o magma,
Eu interpreto língua estranha por que deus interpretou minhas lágrimas.
Arrependa-se, não viva mais uma vida de farsa,
Não deixe satanás sorrir do que você chama de graça.
Nós não precisamos de saquinho de sal pra apaziguar nossa guerra,
Nós somos a luz do mundo, nós somos o sal da terra!
Nós não precisamos de pedrinha de israel
Porque temos a pedra de esquina chamada Deus Emanuel!
Eu não quero pão de jerusalém, nem mesmo água ungida,
Já bebi águas vivas, já comi o pão da vida!
Eu não creio em oração poderosa, dela eu tenho aversão,
Eu creio num deus poderoso que ouve a minha oração!
Eu pensei que eles não me aceitavam por causa do ritmo,
Mas agora sei que não me aceitam porque eu prego o evangelho legítimo.
Mas como foi escrito nos tempos remotos da antiguidade:
Que eles rangeriam os dentes ao ouvir a verdade.
Enfim no grande dia em que deus mostrar seu poder,
Verá que o evangelho fez graça, mas nunca brincou com você!
A graça da garça.
A arte de viver em meio a lama sem sujar as vestes


Bookmark and Share






quarta-feira, 30 de maio de 2012

Porque Não Sou Um Desigrejado


Até o meu próprio amigo íntimo,em quem eu tanto confiava, que comia do meu pão, levantou contra mim o seu calcanhar. Salmos 41.9

Tenho um punhado de amigos desigrejados e não temo ofendê-los por discordar do seu posicionamento. Vejo egoísmo, vejo comodidade em abandonar o hábito de congregar, seja lá pelo motivo que for. E não venha me dizer que é por causa das regras. Onde existir ajuntamento de pessoas haverá regras e não tem como fugir disso. Mesmo numa reunião de grupo familiar, organização se faz necessária, logo...

Ser um desigrejado é abrir mão de muita coisa, dentre elas, suas piores provações. Sentir na goela o calcanhar do amigo íntimo que comia do seu pão. Pesa muito mais do que o Cigano[1] entrando no octógono. O ar fica escasso, respiração curta. "Logo eu, logo quem, olha só ó..." , como Mano Brown cantou você pensou. E não tem como fugir! Cansaço bate e você acha que vai desfalecer. Em quem eu tanto confiava!!! Lamentações.

Imagino o que teria acontecido se vários guerreiros tivessem se deixado paralisar por isso. Se tivessem batido três vezes pedindo arrego e saído para ser mais um membro "Cristo em casa". O que você me diz? Acha que é o primeiro a passar por isso? Acha que o calcanhar que te esmagou é mais pesado do que o do teu próximo? Ora, vamos lá, irmão! Se você soubesse... Tem igreja por aí com um coração ferido por metro quadrado[2].

E daí? Quem está na chuva é pra se molhar, então, recolha sua capa e vai com a cara e com a coragem. Porque na arca de Noé estava todo mundo junto e o cheiro não era dos melhores. Por outro lado, era onde Deus queria que Noé e sua família estivesse. Em meio a fezes e urina de animais, paz. Você decide. Armadura tem capacete, tem couraça, mas o pescoço fica sempre vulnerável. Se Deus livrar, amém. Se Deus não livrar, que venha o calcanhar. Venha.

Permaneçamos firmes!

1. Júnior dos Santos Almeida, mais conhecido como Júnior Cigano é o atual detentor do cinturão da categoria peso pesado UFC. Costumeiramente, nas suas lutas, entra sempre no octógono com o pé direito levantado dando um pisão no chão.

2. Vida Loka 2, Racionais Mc's.

Bookmark and Share



quarta-feira, 16 de maio de 2012

Uma [Verdadeira] Palavra de Vitória Aos Cansados Da Lida Espiritual


As pregações realizadas no congresso anual Gideões Missionários da Última Hora tiveram uma influência muito grande nos primeiros anos de caminhada cristã. Guardo algumas com carinho sendo essa do Pr. Luiz Antonio, ano de 2007, sem dúvidas, especial. Nem tanto pelo fato de ele relatar aquilo que viria acontecer poucos meses depois com ele, no episódio do acidente da TAM. Ficou marcado mesmo o grito de alerta para aquilo que vem se cumprindo com o corrido passar dos dias.

Nessa mensagem, com a voz digna de um profeta ele exorta a todos os cristãos a darem um pouco mais de si em prol do Reino de Deus para a sua própria salvação. Essa é uma autêntica palavra profética, principalmente, porque se cumpre até hoje. Fico pasmo, como de 2007 para cá, tantos amigos pararam na caminhada cristã como eu relatei em Um Lamentável Festival Promessas. Imagino como estariam, hoje, se tivesse sido diferente - uns pastores, outros líderes de ministério... Os caras tinham dom pra comandar.

Um pouco mais de esforço, um pouco mais de determinação. Muitas e muitas vez eu já me senti semelhante ao descrito pelo Pr. Luiz Antônio. Cansaço, desânimo. Cansaço da fadiga espiritual no vale de refain. Eu já fiquei cansado de orar, de ler a Bíblia, cansado das necessárias abnegações, de carregar a cruz, cansado de falar, de escrever aqui no blog, cansado de aconselhar, das presepadas, das trairagens, cansado. Cansado e sozinho. E, em diversos momentos o cajado de consolo me fora dado pelo Espírito de Deus ao me lembrar daquela voz profética.

Você está guerreando contra gigantes. A tua batalha não é uma batallha contra alguém comum. Você enfrenta uma força antinatural, anormal. Não é hora de brincar, de baixar a guarda. Não é hora de retroceder. Jejua um pouco mais, ora um pouco mais, consagra um pouco mais, chora um pouco mais, quebranta um pouco mais...

Deus seja louvado pelo alívio que tomava e, ainda toma, minha alma a cada clique nesse vídeo. Coisa tremenda. Quem está na linha de frente entende o mistério. "Voltar pra casa sem levar um tiro". Você não chegou até aqui para não saber o final do filme, irmão, chegou? É disso que se é feito e para isso que se nasceu, ainda que lhe custe o vigor, a beleza, o sabor. Quem não quebrou o retrovisor e olhou pra trás não é feliz. 

Minha oração é que você aprenda a diferenciar uma palavra positiva e chavões de uma autêntica palavra profética. Ao fazê-lo, tenha ouvidos de ouvir para não pedir a Deus a palavra que Ele já te concedeu.

Ainda tem rabisco no alto da árvore que valem tanto quanto os outros que já ganhamos para o Senhor. São almas. Alguém precisa se dispor a enfrentar o vale de refain com toda a sua crueldade, com toda a sua miséria, com todo o seu orgulho, com toda a sua ilusão. [...] Ainda tem muita coisa pra ser perfeita. Ainda tem muita coisa pra você fazer. 

Permaneçamos firmes!

Compartilhe
Bookmark and Share





Se Conselho Fosse Bom, Não Se Dava Se Vendia [?]

Se conselho fosse bom, não se dava se vendia... versículo do mundão que descreve o procedimento de uma multidão cristã como eu já havia denunciado na postagem Redes Sociais e o Cristão Moderno: apto para falar e tardio no ouvir. Isto porque para dar conselho é necessário ouvir e para ouvir é necessário investir tempo. Recurso escasso para o dia-a-dia das grandes metrópoles ou mau administrado? Seja como for...

Se conselho fosse bom, não se dava se vendia... se você quiser vender, eu tô a fim de pagar. Na Bíblia nós aprendemos que na multidão de conselhos há sabedoria [Pr 11.14], mas como tê-la se não há quem os dê? As redes sociais são nada menos do que uma Avenida Paulista virtual. Multidão que se esbarra, nem se olha. Gente que não dá bom dia e nem pede licença. É questão de conveniência e interesse pessoal.

Se conselho fosse bom, não se dava se vendia... esconde por trás uma placa escrita "Não Pertube". Ocupado demais para o próximo faz perder a sensibilidade para a urgência alheia. Alguém está precisando de uma resposta e minha resposta pode ser nenhuma porque eu me esqueço que também sou o próximo. Eu também posso precisar um dia, quando aquele aliado não estiver por perto para me ouvir. Ah, mas aí vou pensar no assunto, então, até lá que a fila ande e você... bem, você... como é o seu nome mesmo?

Se conselho fosse bom, não se dava se vendia... ainda usamos a Bíblia para pregar, entretanto usamos verdades mundanas para viver. Trocamos versículos por frases de efeito deixando a racionalização garfar a benignidade. Damos espaço para o avançar das seitas e heresias porque quando os que tem sede e fome batem à porta, não atendemos. Não estamos lá. Não respondemos o email. Não respodemos a mensagem no Facebook. Depois é só dizer, ih, eu não recebi ou ih, eu não cheguei a ver e tá tudo certo? Não, não tá não.

Se conselho fosse bom, não se dava se vendia... alguém que te escreve é um alguém, irmão. Uma pessoa, um ser humano. Não saber o que dizer, não justifica o dizer nada. Quem não gosta de saber que alguém se importa? Portanto, que a sua indiferença não macule seu ministério e lhe faça conviver com a culpa. Lembre-se de que você também é alguém que um dia pode precisar e queira Deus não se depare consigo mesmo. A face no espelho com um diadema escrito: indiferença.

Permaneçamos firmes!






quinta-feira, 3 de maio de 2012

Como Organizar As Finanças Pessoais. Dica #4: Riqueza


Façam para vocês bolsas que não se gastem com o tempo, um tesouro nos céus que não se acabe, onde ladrão algum chega perto e nenhuma traça destrói. Lc 12.33

Caso não existisse esse versículo, creio que algumas pregações da atualidade seriam mais grotescas do que já são. Ou se de repente, houvesse um registro de Jesus incentivando os seus discípulos a ajuntarem tesouros tanto no céu quanto na terra. Seria um salseiro danado, especialmente, um prato cheio para os tosquiadores de ovelhas.

Por outro lado, muitos reprimem seus sentimentos de prosperidade. Chegam a se sentir culpados por terem alguma economia guardada ou nem se preocupam em ter uma. Não poderia ser do contrário quando o do microfone esbraveja que é melhor investir no Reino de Deus do que na Poupança. Assim, toda evolução econômica é posta como uma responsabilidade totalmente divina. Se acontecer é porque Deus quis, se não acontecer é porque Deus não quis.

Bom, deixemos os espiritualistas de plantão de lado. O fato é que juntar dinheiro é um sintoma de saúde financeira. Aqui, na Terra, paga-se até para morrer e isso nem sempre tem aviso prévio. Uma doença repentina, um reparo no carro ou simplesmente se dar um luxo. Tudo tem o seu preço. Qualidade de vida física e espiritual requerem la plata (já viu o preço de uma boa enciclopédia bíblica?).

Meu desejo sincero é que você não passe o 2º semestre de 2012 tentando acertar a fatura do seu cartão (lotado com gastos de material escolar, Páscoa, Dia das Mães...). Que você possa dar um novo destino para o dinheiro das férias e seu décimo terceiro. Para tanto, eu indico a você esse livro: “As 10 Principais Diferenças Entre Os Milionários E A Classe Média”, de Keith Cameron Smith. Como escrevi na segunda postagem dessa série, o problema não está em quanto você ganha, mas na sua mentalidade. Conheça uma pouco mais do livro:

Como você quer que a sua vida seja daqui a 10 anos? Se esse tipo de pensamento já passou por sua cabeça, é um bom sinal. Segundo Keith Cameron Smith, quanto mais conseguimos estender nossa visão até o futuro, mais chances temos de ser bem-sucedidos financeiramente.

Como você quer que a sua vida seja daqui a 10 anos? Se esse tipo de pensamento já passou por sua cabeça, é um bom sinal. Segundo Keith Cameron Smith, quanto mais conseguimos estender nossa visão até o futuro, mais chances temos de ser bem-sucedidos financeiramente.

Esse conceito está entre os 10 princípios que, segundo o autor, caracterizam a mentalidade milionária e a distinguem do pensamento comum. Neste livro, ele mostra que adotar essas ideias é uma atitude imprescindível para todos os que desejam enriquecer de forma honesta, realizando atividades que lhes dão prazer e sem abrir mão de outros aspectos importantes da vida, como os relacionamentos.

Para isso, ele compartilha o que aprendeu por meio das suas próprias experiências com o sucesso e o fracasso. Uma de suas principais conclusões é de que o processo de enriquecimento só é possível graças a um preceito básico: a mentalidade milionária dá mais valor à liberdade do que ao conforto e, por esse motivo, consegue as duas coisas.

Meu comentário: você pode até não chegar a enriquecer, porém, certamente chegará num patamar bem melhor do que o atual. Fato.

Porque a sabedoria serve de sombra, como de sombra serve o dinheiro... Ec 7.12




Compartilhe

Bookmark and Share