quinta-feira, 24 de março de 2011

O Futuro do Pretérito de Uma Geração


Dias atrás eu ouvi uma canção que me fez viajar no tempo: "Geração que Dança" de David Quilan. Se você tem pouco mais de cinco anos de conversão, sabe que este era o hit que embalava os cultos de jovens, sábado à noite. Nós éramos como quem sonha! Como era bom estar ali no meio de jovens cujos olhos brilhavam e que prometiam "E seremos a Geração que Dança por causa das Tuas misericórdias, ó Deus". O tempo passou e, infelizmente, a promessa não seu cumpriu.

Isto porque poucos (ou quase nenhum) são os daquela época que estão com o mesmo vigor na presença de Deus. É como se tudo aquilo, ainda que não fôssemos mais adolescentes, tivesse sido sim coisa de adolescente, coisa de menino na fé. Agora, mais maduros, o que vejo são homens letárgicos afadigados com as solicitudes da vida. A paixão... se esvaiu. E olha que há dois anos atrás, aqui no Pregação dos Loucos, foi falado sobre esta questão e, ao que parece, nada mudou.

Então, falhamos... E seríamos aquela geração. Caramba, o que aconteceu conosco? Nós prometemos ser a geração que canta e que celebra a glória de Deus! No entanto, alguns cantaram e dançaram sim, mas, num bloco de rua no último carnaval. Outros, congregam num lugar só de aparência - estou lá, mas, não sou de lá, é o que tenho ouvido. E mais alguns, não sobem mais o monte, não fazem mais isso e aquilo, enfim, tudo o que faziam quando havia paixão e não tinham carro, não tinham um bom emprego e não eram casados. Meu Deus!

Ouvi, SENHOR, a tua palavra, e temi; aviva, ó SENHOR, a tua obra no meio dos anos, no meio dos anos faze-a conhecida; na tua ira lembra-te da misericórdia. Hb 3.2.

Que seja esta a nossa oração! Seja novo ou velho convertido, seja líder ou ovelha, seja casado ou solteiro, jovem ou ancião, clamemos! E cuidemos dos nossos pré-adolescentes para que eles tenham um destino diferente e possam ser uma geração que cumpre suas promessas a Deus!

Permaneçamos firmes!

Este blog é melhor visualizado com o Mozilla Firefox.
Identificou-se com o artigo? Qual é a sua opinião? Deixe seu comentário aqui, pois, ele é muito importante 
Lembrou de alguém ao ler o artigo? Compartilhe com ele. Clique nos botões abaixo e divulgue o Pregação dos Loucos:







Link Within

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Direitos Autorais Preservados