sexta-feira, 1 de junho de 2012

R10, Patrícia Amorim e a Lei da Semeadura


[...]Porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Gálatas 6.7


O rompimento do jogador Ronaldinho Gaúcho com o Flamengo passa não somente por uma questão jurídica e financeira. A tal lei da semeadura tão alardeada pelos propagandistas da teologia da prosperidade não tem cunho apenas monetário. Quem acompanha futebol, sabe que a presidente do clube, Patrícia Amorim, vem apresentando uma conduta, no mínimo, lamentável em suas decisões. Ela é engolida por um monstro que vem sendo alimentado por sua manipulação de fatos e pessoas.

Tudo isso faz lembrar também o já citado Salmo 41.9, "amigo íntimo que levanta o calcanhar". Assim o fez a presidente Patrícia ao demitir o técnico Wanderley Luxemburgo da maneira como fez. Dissimulação deu o tom e a fez se desdizer em menos de 24 horas após garantí-lo como treinador da equipe. Tudo para agradar R10, contrariado com o treinador linha-dura, que, diferentemente do jogador, é torcedor do clube. Ali, a presidente selou seu destino. Poucos meses depois, hora de provar do próprio veneno. A dissimulação do jogador ante ao seu próprio desempenho pífio já apontava para o desfecho final, o qual todos já sabem. 

O que o homem semear, isso também ceifará. Trairagem, "crocodilagem", falsidade. Dê o nome que quiser, só não se esqueça de que o certo é o certo. À imprensa, Patrícia Amorim se diz surpresa pelo fato ter sido levado à justiça. Mesma surpresa que deve ter sentido Wanderley Luxemburgo ao ser demitido. Podemos viver numa era diferente, mas, céus e terra passarão menos a Palavra de Deus. Perceba, então, porque você não precisa sujar as suas mãos. Não pagar o mal com o mal. Não revidar a afronta. Não se rebaixar.

Você será capaz de suportar todo peso de qualquer calcanhar sobre si, se tão somente crer na palavra de Deus. Ela nos ensina a ter um espírito manso e a ser humilde de coração à semelhança de Jesus. Afinal, somos limitados em nosso julgamento e na nossa força. Um contra-ataque poderá não ter a mesma intensidade do que a colheita gerada por uma infeliz semeadura. Deixe estar. Apenas siga em frente e guarde o seu coração. A colheita tarda, mas não falha. 

Permaneçamos firmes!


Bookmark and Share


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba Nossas Atualizações Por Email!

Link Within

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...